Quarta dia 30/11 às 13h30 nosso compromisso é com a música de São Paulo na Câmara Municipal

Na próxima quarta, dia 30 de novembro, o PL 376 SP CIDADE DA MÚSICA será analisado na Comissão de Constituição, Justiça e Legislação Participativa da Câmara Municipal de SP!

 

15230587_1100804373352290_9034323280026008803_n
Este é apenas o primeiro degrau de nossa luta, mas é um dos mais importantes, pois a reprovação nesta comissão acabaria de vez com nosso sonho de termos uma lei de fomento à música na cidade de SP!
Curta nossa página para saber mais!
https://www.facebook.com/spcidadedamusica/

Compareçam todos e tragam os amigos da música!
Levem cartazes e faixas!
Convidem seus amigos aqui pelo evento!
Vamos mostrar que a turma da música também sabe se organizar e se engajar!

AUDIÊNCIA PÚBLICA DA CCJP
Análise do PL 376/2016 SP Cidade da Música
Local: Câmara Municipal de SP – Viaduto Jacareí 100.
Auditório Prestes Maia, 1o andar.
Horário de encontro: 13h30 em frente ao auditório.

(a audiência começará as 14h em ponto e a votação acontecerá em poucos minutos de acordo com o PLs em pauta e por isso é muito importante estarmos lá em peso antes da entrada dos vereadores)

Mais informações:
Há mais de um ano, diversos grupos, coletivos, produtores, artistas e gestores da área da música e da cultura vem realizando encontros, reuniões e audiências públicas para discutir a cadeia produtiva da música da cidade de SP e como fomentá-la. Destes encontros surgiu o projeto de lei escrito por diversas mãos, com relatoria de Pena Schmidt e recentemente inscrito pelo vereador Nabil Bonduki na Câmara Municipal de SP.

O PL visa instituir “o Programa Municipal SP Cidade Da Música, vinculado à Secretaria Municipal de Cultura, com o objetivo geral de fomentar e apoiar a criação, difusão e acesso à música no município de São Paulo”. Dividido em 7 eixos, o PL busca contemplar a música da cidade não apenas em termos de diversidade de estilos musicais, mas também na diversidade de formas apoios, contemplando toda a produção musical.
Os eixos são: criação, música ao vivo, música de rua, circulação, instrumental, ocupações e encontros.

Neste momento é de extrema importância que os fazedores da música na cidade se articulem coletivamente pois teremos uma batalha a encarar para sua aprovação na câmara nos próximos meses. Nossa luta é também pelo orçamento de 15 milhões para a lei em 2017!

SP já tem leis de fomento ao teatro, à dança, ao circo e à cultura de periferia, e agora está na luta por uma lei da música. Será a primeira lei de fomento à música do país, mas para que isso aconteça teremos que nos unir e batalhar juntos por sua aprovação!

Esta entrada foi publicada em INFORMATIVOS. Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>